• Tiago Koch

Depressão pós nascimento masculina, existe!


Pesquisas sugerem que tanto homens quanto mulheres experimentam algum tipo de depressão após o nascimento de uma criança, segundo pesquisas apresentadas em Congresso da Associação Americana de Psicologia.


De acordo com um estudo publicado no Maternal and Child Health Journal, já é sabido que cerca de 20% das mães sofrem com abalos de humor significativos depois do nascimento do filho – e isso pode afetar negativamente o bem-estar físico e emocional tanto da mulher quanto do bebê.

Já de acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 40% das mulheres no Brasil desenvolvem depressão pós-parto e 10% delas sofrem com o nível mais severo.


O que não temos muito conhecimento é que cerca de 10% dos novos pais experimentam algum tipo de depressão e até 18% têm algum tipo de transtorno de ansiedade.


Alguns motivos para depressão pós nascimento masculina:


A privação de sono , assim como nas mães, é o principal fator para o surgimento de sintomas de depressão;


A falta de sono e o tempo longe do trabalho também aumenta a ansiedade;


Dificuldades de entender o novo papel de pai;


Não ter rede de apoio, muito menos uma rede masculina;


Dúvidas sobre ser ou não um pai competente.


Um dos motivos pelos quais a depressão pós nascimento em homens é pouco falada é que nós homens não buscamos ajuda, procurar serviços de saúde mental durante esse período me parece ainda mais distante para a maioria.


Também profissionais de saúde não recebem treinamento adequado para identificar e tratar essas questões em homens durante o período.


Depressão é coisa séria, não negligencie.


E você marujo, como está se sentindo? Bora falar sobre isso?


Esse é um dos temas abordados no curso Puerpério para Homens.


Acesse o link para obter mais informações,


Conte comigo!

 
  • Facebook
  • Instagram

©2020 por Babo Design.